Pages

12 de jul de 2010

Michael Moore


Depois de todos os seus investigativos e polêmicos documentários como “Tiros em Columbine”, “Roger e Eu”, Fahrenheit 11 de Setembro”, "Sicko - $O$ Saúde" o diretor Michael Moore acredita que seu mais novo trabalho é o verdadeiro alvo do que realmente está errado em seu país: o capitalismo.
“Capitalismo: Uma história de Amor” traz em seu conteúdo monstruosidades como corporações que lucram com a morte de seus empregados, famílias que ficam sem casa mesmo pagando a cara hipoteca, pilotos que trabalham como garçons para complementar seus salários, entre outras.
Questionasse se estaria ao lado do socialismo ou até do comunismo: “Não. Não acredito em ditaduras, apenas em democracia. Exatamente como os fundadores da república norte americana, Thomas Jefferson, Benjamin Franklin, George Washington, que acreditavam na propriedade privada, mas desconfiavam dos bancos. Será que, em pleno século 21, não temos uma alternativa melhor ao capitalismo do que comunismo? Temos que sair dessa discussão, ser criativos” diz Michael Moore.

Vivi.

1 comentários:

Isa disse...

O documentario "SICKO- SOS SAUDE" eh o melhor que ja vi!!! Muito bom..esse cara eh fantástico!!!